Transformando advogados de escritório em embaixadores da marca

O embaixador de marca é o profissional que se identifica com as soluções de uma empresa, mais do que isso, é aquela pessoa que representa uma organização de maneira consistente e autêntica. Inclusive, esta é uma das principais tendências do marketing jurídico para 2024.

Se você ficou interessado em descobrir a relevância de um embaixador de marca para o seu escritório, não se preocupe, abordaremos esse assunto mais profundamente nas próximas linhas.

O que é um embaixador de marca?

É uma pessoa que representa os valores de uma organização e tem vasto conhecimento sobre a marca. Para que a parceria flua deve haver uma identificação pessoal com a empresa, isso evita que as comunicações soem como propagandas. Por falar nisso, vale ressaltar que um embaixador de marca não é um garoto-propaganda, já que o primeiro tem uma conexão mais sólida com a companhia, enquanto no caso de um garoto-propaganda, segue-se um roteiro pré-estabelecido, como um script.

Etapas para transformação

Em síntese, é possível delinear quais etapas seguir para transformar os advogados de escritório em embaixadores de marca. São elas:

  1. Defina metas

Como em qualquer objetivo que desejamos alcançar, a definição de metas claras e mensuráveis é o ponto de partida se você deseja transformar o advogado do seu escritório em embaixador da sua marca. Tendo os objetivos traçados é hora de avançar para o próximo passo;

  • Crie um plano de comunicação interno e externo

Crie um plano estratégico que estimule gestores e colaboradores a se tornarem embaixadores do seu escritório. Desta forma, fica mais fácil identificar pessoas realmente interessadas. Feito isso, elabore um plano de comunicação externo com o que se deseja atingir com a campanha;

  • Analise candidatos

O candidato ideal é o profissional que se compromete com os valores da organização, é persuasivo, marca presença nas redes sociais e em eventos da área de atuação do seu escritório. Neste quesito, também é válido checar a reputação do advogado. Afinal, do que adianta ser um profissional alinhado a missão, visão e valores da empresa, mas não ser aceito pelo público?

  • Alinhe as habilidades do profissional às suas metas

Se o seu plano de comunicação externo envolver as redes sociais é indispensável que o advogado tenha noções mínimas com tais plataformas. Essa pessoa também precisa estar confortável com aparições públicas para representar a firma;

  • Certifique-se da disponibilidade do profissional

Como já salientado, é muito importante que o embaixador da marca participe de eventos, interaja nas redes sociais, dentre outras atividades. Para isso, óbvio, é necessário disponibilidade deste profissional. Por isso, alinhe antes com o advogado os compromissos que ele deverá assumir aceitando a nova responsabilidade.

O processo de escolha do embaixador deve ser realizado com calma, já que essa pessoa representará a sua empresa. Desse modo você evita que polêmicas respinguem na imagem do seu escritório. Vale ressaltar que o advogado precisa realmente gostar da marca para falar dela de maneira espontânea, sem parecer forçado.

Pode-se concluir que o embaixador da marca é o elo entre a empresa e os possíveis clientes, sendo uma peça fundamental para incentivar o primeiro contato do potencial cliente com o seu escritório. O que torna essa estratégia interessante é justamente o fato de o profissional ter a possibilidade de desenvolver ações em eventos presenciais, mas também nas redes sociais.

VOCÊ TAMBÉM PODE GOSTAR DE:

Ser Humano

Nos últimos meses, tenho conversado bastante sobre o avanço da tecnologia no Direito, especialmente sobre

Rolar para cima